Para não passar em branco

by

Só para não passar mais uma semana em branco, informo que coloquei dois slides no scribd:

Controle Judicial dos Direitos Fundamentais

Direito e Democracia

Os dois slides foram utilizados em palestras que ministrei. O “Controle” foi a base de minhas palestras do ano passado (segundo semestre). O “Direito e Democracia” usei numa palestra que proferi no evento “Direito 2009”, em Fortaleza.

Estou quase “a concluire” os papers do doutorado. Quando concluir, colocá-los-ei aqui.

A propósito, já que falei do doutorado, eis uma foto que o Professor Castanheira Neves pediu para tirar comigo (hehehe):

Castanheira

Agora sem brincadeira. O Professor Castanheira Neves é, sem dúvida, o maior filósofo do direito de língua portuguesa em atividade hoje em dia. É impressionante a sua capacidade de saber tudo. Cada vez que o leio, me sinto menor e, por isso mesmo, me sinto maior. E não pensem que ele está defasado intelecutalmente, apesar dos seus quase oitenta anos. Pelo contrário. Ele discorre melhor do que ninguém tanto sobre a Odisséia, de Homero, quanto sobre a última obra do Posner ou do Dworkin. Enfim: uma pessoa iluminada.

Advertisements

2 Respostas to “Para não passar em branco”

  1. Marcelo Says:

    Prezado George, humildemente constatei que na sua série de slides sobre controle judicial dos direitos fundamentais, mais precisamente no slide 43, tu trascreveu o art. 5, inciso XXXV da CF/88, mas tua referência indica o inciso XXX da CF.

    Atenciosamente

    Marcelo

  2. Christoph Says:

    Adhara Ferrari disse:Muito bom o texto, vini!!Direitos hunomas é sempre um tema polêmico.. Muita gente acha que eles são absurdos, porque servem apenas pra defender bandidos.. Bobagem..Esse semestre eu vou ter Direitos Humanos e as Relações Internacionais..Vamos ver isso daí

Os comentários estão fechados.


%d bloggers like this: